Dança Psicointegrativa

soraya1“Para superar os bloqueios, que obstruem a expressão do "Ser" autêntico; a proposta é conhecer a si mesmo e dançar. Na Dança Psicointegrativa, dançar é expressar as emoções, conferindo-lhes corporeidade, seja por meio da expressão simbólica ou de movimentos harmônicos.”      (Soraya Gazal)

A Dança Psicointegrativa é uma forma de arte, dançando integramos o consciente e o inconsciente. A arte é expressão simbólica e no caso da dança é expressão simbólica corporificada.

A Dança Psicointegrativa é uma abordagem psicossomática realizada em grupos e tem por objetivo trabalhar a unidade corpo/alma, por meio de movimentos corporais, músicas especialmente selecionadas por seu valor terapêutico, dinâmicas de grupo não verbais e vivências integrativas baseadas na Biodanza (Rolando Toro),  na Imaginação Ativa (Carl G. Jung) e na Dança Espontânea (Isadora Duncan), entre outras abordagens de terapias complementares.

 

Grupo de Vivencias em Dança Psicointegrativa

As atividades do Grupo de Vivencias , é um processo de desenvolvimento e crescimento pessoal contínuo, que propicia a expressão do "Ser" autêntico.

Dançar com autenticidade é expressar as emoções vividas no "aqui agora", conferindo-lhes corporeidade, seja por meio de sons, de toques, ou de movimentos harmônicos.

A proposta é expressar-se e dançar com espontaneidade, dançar a Dança da Vida!

Os encontros são  orientados para facilitar um clima de confiança e abertura, sem julgamentos da forma de dançar certa ou errada, pois a dança é entendida como expressão pessoal das emoções que foram mobilizadas pela música.

 

Benefícios:
  • Integração motora: Ritmo, coordenação, flexibilidade, fluidez, elasticidade, unidade e harmonia dos movimentos
  • Aumento de resistência imunológica, da energia vital e da disposição para a ação.
  • Integração entre o pensamento, sentimento e ação.
  • Força para expressar suas emoções.
  • Contato com a alegria de viver e com a percepção de ser parte da totalidade transcendente.

grupoO processo de cada encontro ocorre geralmente em duas fases: uma verbal e outra vivencial. A verbal acontece no início e tem por objetivo elucidar conceitos teóricos, também propicia um momento de troca de informações e significados entre os participantes. A segunda parte é não verbal norteada por orientações do facilitador, músicas e movimentos, onde mediante exercícios semi-estruturados e danças criativas, realizados por todos os membros do grupo, são deflagradas vivências de integração, auto-estima,  comunicação e autoconfiança.

A forma de participar é inscrevendo-se para uma aula aberta ou um workshop. O Grupo de Vivências ocorre uma vez por semana ou uma vez por mês, sob a facilitação da psicóloga Soraya Gazal.

Para maiores informações sobre aulas abertas e workshops introdutórios, entre em contato conosco.

soraya2

Saiba Mais

Contato

Para entrar em contato, ligue para o telefone (11) 3275-2628 ou escreva uma mensagem para sorayagazal@gmail.com